NOTÍCIAS

PROGRAMA EM TUAS MÃOS EXIBE SÉRIE PARA INCENTIVAR APOIO ÀS VOCAÇÕES SACERDOTAIS

Postada por: FELIPE SILVA
Cadastrada em: 02/05/2017 15:50:17

A caminhada rumo à ordenação sacerdotal é longa, em média são oito anos de estudos. De uma maneira geral há a necessidade de cumprir três etapas: Um ano no Seminário Propedêutico, onde o seminarista passa por um processo de adaptação; Três anos de estudos no Seminário de Filosofia e quatro anos no Seminário de Teologia, em uma rotina que pode chegar a 12 horas de estudos por dia. Tudo isso é pequeno perto do chamado de Deus, afinal é no coração de cada homem que diz sim à igreja, que o Senhor prepara um terreno fértil para a certeza dessa vocação.

E foi partindo da decisão de jovens seminaristas de nossa Arquidiocese e da afirmativa de padres que optaram por viver uma vida dedicada à obra do Pai, que a produção do Programa Em Tuas Mãos (exibido de segunda a sexta-feira na Rede Meio Norte, a partir das 6h da manhã, com reprise no domingo, às 7 horas) se inspirou para valorizar essa caminhada através de uma série de matérias intitulada Terra Sacerdotal.

A série ganhou o mesmo nome do Programa que a Igreja particular de Teresina oferta à comunidade como uma oportunidade de estímulo, apoio e promoção da formação de novos padres. “Nasceu do coração de Deus para promover e ajudar as vocações sacerdotais na Arquidiocese de Teresina”, explica o Padre Anderson Fábio, formador do Seminário São João Paulo II e coordenador do programa.

Através do Projeto Terra Sacerdotal o fiel é chamado a colaborar espiritualmente ou materialmente, com a formação de novos sacerdotes. A série ouviu seminaristas como o jovem Rafael Rodrigues que, apesar da pouca idade, carrega consigo um discernimento aprofundado. “Tive a certeza de minha vocação ainda como coroinha. Sou do bairro Parque Piauí e tenho muita alegria por saber que no seio da comunidade pessoas que livremente se colocam à disposição para nos ajudar”, alegra-se o jovem, estudante do Seminário Propedêutico.

Padre Anderson Fábio explica as várias as formas de doação que são possíveis com a realização de um cadastro. “Aquele que assume a missão de tornar-se um benfeitor através do gesto de bondade, firma o compromisso de doar uma quantia financeira. A nossa orientação é para que os irmãos procurem uma das nossas paróquias ou a sede do Centro Pastoral Paulo VI , localizado na Avenida Frei Serafim, n° 3200, para se informar e claro, se cadastrar apoiando o surgimento e formação de novos pastores”, esclarece o sacerdote.

A equipe do Programa Em Tuas Mãos fez pesquisas, percorreu paróquias, ouviu catequistas e sacerdotes. É o caso do padre Daniel Rodrigues que está à frente da paróquia Nossa Senhora do Rosário de Fátima. “Durante muito tempo eu resisti. Não me achava digno desta escolha. Foram nove anos de estudos e hoje eu sou só gratidão à nossa Igreja. Espero retribuir todo esse apoio servindo a comunidade. Já são doze anos como padre e não foi fácil ficar distante da família. Eu residi no Ceará, em Sobral, e tive acompanhamento dos capuchinhos. A vida de formação precisa de paroquianos e familiares que se comprometam com essa causa, só assim há o retorno em forma de cuidados com o povo de Deus”, revela.

A série evidenciou também as formas de colaboração para o projeto, que podem ser feitas através de depósito identificado e boleto bancário, como explica o coordenador da iniciativa. “Por enquanto temos a conta do banco do Brasil (Conta 5812-2 e Agência 3219-0), mas a nossa intenção é abrir em outros bancos. E se você quer e pode nos ajudar, ainda há a possibilidade de ser um animador, aquele colaborador responsável por visitar os benfeitores com a missão de receber as doações. Mensalmente irão visitar e receber a ajuda dos benfeitores levando a nossa mensagem de agradecimento”, pontua padre Anderson.

O projeto “Terra Sacerdotal” é permanente, não é uma campanha. “Iremos dar continuidade, pois Deus fez suscitar em nós esse desejo. Afinal são muitas as necessidades para formar um novo sacerdote. São diferentes casas de formação que devemos manter nestas etapas de formação. Garantimos alimentação e faculdade, além dos compromissos como água e energia, bem como o corpo docente formado por professores qualificados, por isso fazemos essa convocação. Essa ajuda é muito importante”, ressalta.

A carta aos hebreus diz que todo presbítero é tirado do meio do povo, escolhido por Deus, preparado e devolvido para servir o povo que tanto espera no seu meio um sacerdote. E esse sentimento é compartilhado pelo jovem Igor Torres que é “filho” da Paróquia Santuário Nossa Senhora da Paz. A sua vocação teve como inspiração e espelho a forte influência do padre Pedro Balzi (in memoriam) que sempre demonstrava desejo de ver surgir em sua comunidade padres arquidiocesanos.

“Estou hoje no Seminário de Teologia Sagrado Coração de Jesus e tenho gratidão a Deus que um dia me chamou e também à minha família que foi capaz de fazer essa doação. A Igreja de Teresina, através da Arquidiocese, é a minha mãe ao longo desse processo. Mas, entendo que é preciso a disposição de muitas pessoas. Padre Pedro Balzi é um exemplo. É motivo de alegria para mim ter tido a oportunidade de ter em minha caminhada a presença dele, que foi instrumento de Deus na minha vida”, diz o jovem que está na etapa final para ser ordenado.

Para a diretora do programa Em tuas Mãos Liana Nunes, a intenção maior foi levar ao conhecimento do público a necessidade da comunidade colaborar com o projeto Terra Sacerdotal. “Foi inspiração do Espírito Santo! Ele suscitou em nós o desejo de levar aos nossos telespectadores histórias de vidas vocacionais que transmitem o verdadeiro sentido do chamado feito por Deus. Daí o intuito de fazer com que cada testemunho, exibido nesta série, motive os fieis da igreja de Teresina a entender que a sua contribuição é valiosa para o processo de formação de um sacerdote”, cita.

O Frei Fábio Martins foi um dos entrevistados da série. A reportagem valorizou a caminhada dele que já é diácono e está prestes a receber a ordenação sacerdotal. Ele afirma que disse sim não só à Igreja, mas também ao povo de Deus. “Escolhi um lema para esta caminhada. Ser um servo de todos. Ouvir a voz de Deus e optar por uma vida missionária. Ser instrumento. O sacerdócio se aproxima e vai sensibilizando o meu coração. Esse sempre foi um desejo, mas hoje é, sobretudo, a entrega e a confirmação da minha vocação”, diz.

A série foi fiel à caminhada marcada pela intensa prática dos sacerdotes que assumem com amor os benefícios caridosos e espirituais da Igreja, tendo como foco o serviço à comunidade. E se você quer rever todas as matérias da série, pode acessar o canal do Programa Em tuas Mãos no Youtube.

Quem tiver interesse em conhecer as casas de formação da Arquidiocese pode entrar em contato e agendar uma visita. Toda doação feita ao Programa Terra Sacerdotal é revertida para a manutenção dessas casas e dos futuros sacerdotes.

Contatos

Propedêutico Discipulado João Paulo II – (86) 3227-6822

Seminário de Filosofia Dom Edilberto Dinkelborg – (86) 3220-1586

Seminário de Teologia Sagrado Coração de Jesus – (86)  3227-3848

Por Vera Alice Brandão / arquidiocesedeteresina.org.br